O tratamento, reintegração e reparação das pessoas traumatizadas, designadamente no âmbito do trabalho, coloca, neste século, novas questões e desafios a todos quantos participam nestes processos.
A Fidelidade, quer participar ativamente nestes desafios, promovendo a discussão das temáticas nas suas diversas vertentes.
A avaliação do nexo de causalidade jurídico e médico, a distinção entre acidente de trabalho e doença profissional, o diagnóstico correto das doenças e um tratamento de excelência, a reabilitação e reintegração com recurso às mais modernas tecnologias, bem como a avaliação do dano pessoal considerando as normas oficiais, a par da humanização dos serviços oferecidos e do respeito pela legislação portuguesa na matéria, são assuntos da ordem do dia e um objetivo que temos sempre presente.
Por outro lado, a cooperação entre os diversos profissionais e instituições, muito especialmente entre as seguradoras, os hospitais e a medicina do trabalho, tendo em vista encontrar soluções que melhor respondam às necessidades das pessoas acidentadas, a par com as novas e constantes soluções oferecidas pelo mundo digital, nomeadamente no tratamento e reintegração daquelas pessoas, são aspetos fundamentais a que a Fidelidade não poderia ficar indiferente. Inovar e Incluir são palavras-chave que inspiram o nosso trabalho.
Por isso, para conjuntamente refletirmos sobre todas estas matérias, de forma a prosseguirmos no caminho da inovação, buscando sempre a qualidade e excelência, convidamos para o 1º Congresso Médico da Fidelidade, profissionais de referência nas diferentes áreas da Saúde, Direito e Gestão, entre outras.
O sucesso desta iniciativa depende também da sua participação e do seu contributo nesta reflexão. Contamos consigo!
A Comissão Organizadora